Podemos achar que os choques elétricos são comuns porém, eles são deviam ser considerados desta maneira.

Estes pequenos “acidentes elétricos” são, muitas vezes, menosprezados, mas podem ocasionar acidentes graves pois, o choque elétrico se comporta de forma diferente em cada pessoa.

Quando perguntamos em um grupo quem já tomou um choque, dificilmente receberemos uma resposta negativa, o que mostra que esses acidentes são mais comuns do que podemos imaginar.

A maior parte de nosso conforto diário é proporcionado pela eletricidade, por esse motivo é de extrema importância que estejamos cercados e atentos aos cuidados diários com relação a ela.

Instalação Elétrica Segura

Para que você possa ter uma instalação elétrica segura, é necessário que todo o sistema seja muito bem dimensionado e planejado, inclusive com a capacidade correta para suportar as necessidades da construção, desde fios e cabos, disjuntores até as tomadas e interruptores.

Para que sua instalação seja efetuada corretamente, seguem algumas dicas:

  1. Contrate um profissional capacitado que planeje sua instalação e a realize de forma adequada;
  2. Siga sempre as orientações do profissional sobre o uso de componentes corretos, disjuntores, interruptores diferenciais, dispositivos de proteção contra surtos, entre outros;
  3. Use os cabos adequados para a instalação de acordo com a especificação informada pelo profissional que realizou o projeto.

Cuidados na utilização da eletricidade

É tão comum utilizarmos eletricidade que, normalmente, nem nos damos conta do que estamos fazendo. É normal ligarmos e desligarmos as luzes de uma casa, plugar e desplugar os eletroeletrônicos das tomadas, ligar e regular a temperatura do chuveiro, e fazemos tudo isso sem lembrar que estamos utilizando a eletricidade o tempo todo.

Porém, é válido lembrar que devemos fazer isso de forma consciente e que alguns cuidados devem ser levados em consideração como:

  1. Sempre que ligar um eletrônico na tomada, verifique se ele está desligado;
  2. Verifique sempre se a tensão do equipamento é compatível com a tensão da tomada;
  3. Desligue sempre o chuveiro ao trocar a chave do mesmo (verão/ inverno);
  4. As trocas de lâmpada devem ser efetuadas com os circuitos desligados, para isso, desligue o disjuntor;
  5. Sempre que trabalhar com água dentro de casa, tome muito cuidado para não molhar as tomadas;
  6. Cuidado para não tocar em plugues ou tomadas com as mãos ou pés molhados;
  7. Não manuseie equipamentos eletrônicos se estiver descalço.

Fique atento aos sintomas

A instalação elétrica é capaz de nos apresentar sintomas de quando algo está errado. Então, para evitar acidentes, fique sempre de olho nesses sintomas:

  1. Se notar aquecimento nos plugues, tomadas ou no fio é um forte sinal de que algo está errado. Tire o aparelho da tomada até conseguir verificar o problema;
  2. Tomada escurecendo, é um provável indício que o circuito pode estar sobrecarregado;
  3. Cheiro de fio queimado significa que algo está prestes a pegar fogo (equipamentos ou a fiação – verifique sempre);
  4. O disjuntor é um equipamento que desliga quando algo está errado. Caso isso aconteça, antes de religa-lo, verifique se não tem nada fora do normal ocorrendo;
  5. O DR é uma proteção contra choques elétricos e fuga de corrente. Se ele desligar, verifique todos os equipamentos e tomadas antes de ligá-lo novamente.

A prevenção ainda é o melhor remédio

Lembre-se que uma vida que se vai nunca mais será recuperada, por isso, prevenir que algo ruim aconteça ainda e a melhor solução.

Pequenas atitudes podem tornar a instalação elétrica mais segura e também evitar tantos acidentes elétricos, como os que vem ocorrendo ultimamente. Por esse motivo, seguem algumas dicas:

  1. Procure colocar protetores nas tomadas que não estiverem sendo utilizadas, principalmente se você tiver criança em casa;
  2. Faça uma inspeção visual periódica em sua instalação elétrica, tomadas, emendas, entre outros;
  3. Providencie a troca de plugues e tomadas se notar um mal contato nesses equipamentos;
  4. Solicite que seja feita a revisão de sua instalação elétrica a cada 5 ano.

O Programa Casa Segura alerta, a informação é a melhor maneira de prevenir acidentes. Conhecer os riscos e saber como a eletricidade funciona é um grande passo para ajudar a diminuir as estatísticas e manter sua casa e sua família mais segura.

Programa Casa Segura, zelando pela sua vida e de seu patrimônio.